Deputado Federal Maia Filho – PP – Piauí

0

Nascimento 31/07/1974
Partido PP
Formação Superior Incompleto
Profissão Empresário
Estado Piauí
Filiações PP, SD, PFL, DEM, PP
Gastos no mandato R$ 1.063.478,54
Processos TRF-1 Seção Judiciária do Piauí Improbidade Administrativa Nº 2700-41.2002.4.01.4000 – Condenado por improbidade administrativa com dano ao erário e violação aos princípios administrativos. A Justiça determinou a suspensão dos seus direitos políticos por cinco anos e o pagamento de multa de R$ 15 mil. De acordo com a decisão, o ex-prefeito recebeu repasses federais do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) por inconclusão de obras e dispensa de licitação irregular.
  TCU Acórdão Nº1964/2004 – O Tribunal constatou irregularidades na prestação de contas e na execução de convênio firmado com o FNDE para construção de escola agrícola, no período em que foi prefeito de Itainópolis. Foi condenado à devolução de R$ 59.345,77 e ao pagamento de multa de R$ 10 mil. O parlamentar recorreu, mas decisão foi mantida: TCU – Acórdão nº 1047. 
  TCU Acórdão Nº 6246/2014 – Condenado à devolução de R$ 66.628 e ao pagamento de multa de R$ 20 mil por irregularidades na execução de convênio com a Fundação Nacional de Saúde para construção de sistemas de abastecimento de água, quando prefeito de Itainópolis. O parlamentar recorreu, mas a decisão foi mantida: TCU Acórdão Nº 355/2015 e TCU – Acórdão nº 4196/2016. 
  TCU Acórdão Nº 2087/2014 – Condenado à devolução de R$ 37.500 e ao pagamento de multa de R$ 10 mil por irregularidades na execução de convênio com a Fundação Nacional de Saúde para construção de sistemas de abastecimento de água, quando prefeito de Itainópolis. O parlamentar recorreu, mas a decisão foi mantida: TCU Acórdão Nº 4452/2014 e TCU – Acórdão nº 354/2015. 
  TRE-PI – Prestação de contas nº 60298.2011.618.0000 – A Justiça Eleitoral reprovou a prestação de contas do DEM-PI referente ao exercício financeiro de 2010, quando o parlamentar presidia regionalmente a sigla. O partido foi condenado a restituir R$ 50 mil aos cofres públicos. 
  TRF-1 Apelação Nº 0005273-13.2006.4.01.4000 – Condenado em 2013 pela Justiça Federal (JF) do Piauí a três meses de prisão por crimes de responsabilidade, o parlamentar conseguiu reverter a decisão com a prescrição da punibilidade. A ação penal, que foi aberta em 2006, chegou a tramitar no STF, mas foi devolvida à primeira instância após o parlamentar deixar o cargo de deputado federal em 2011. 
Autoria de Leis Sem leis aprovadas
Mandato Atual Deputado Federal, 2015-2019, PI, SD
Mandatos Anteriores Prefeito, Itainópolis/PI, PP, 1997-2004 – Deputado Federal, 10/11/2008-2011, PI, PFL

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Digite seu nome aqui