Senador Renan Calheiros – PMDB – Alagoas

0

Nascimento 16/09/1955
Partido PMDB
Formação Superior
Profissão Advogado
Estado Alagoas
Filiações PMDB
Gastos no mandato R$ 153.370,70
Processos É réu no STF em ação penal por peculato decorrente do STF – Inquérito nº 2593/2007 – O inquérito investigou Calheiros pelos crimes de falsidade ideológica, uso de documento falso e peculato. O Ministério Público Federal acusava o senador de apresentar ao Conselho de Ética do Senado, em 2007, documentos falsos para comprovar rendimentos que justificassem o pagamento de pensão a uma filha que teve em relacionamento extraconjugal com a jornalista Mônica Velloso. Ainda de acordo com a denúncia, Calheiros teria pago o benefício com recursos da empreiteira Mendes Júnior, por intermédio do lobista Cláudio Gontijo. As acusações de falsidade ideológica e uso de documentos falsos foram rejeitadas pelo STF, sendo recebida a denúncia por peculato em dezembro de 2016. A ação penal ainda não possui um protocolo.
  STF – Inquérito nº 4216/2016 
  STF – Inquérito nº 4215/2016 
  STF – Inquérito nº 4213/2016 
  STF – Inquérito nº 3989/2015 
  STF – Inquérito nº 3984/2015 
  STF – Inquérito nº 3993/2015 
  TRF-1 -Seção Judiciária do Distrito Federal – Ação civil pública nº 0060664-26.2014.4.01.3400 – É réu em ação civil de improbidade administrativa com dano ao erário, juntamente com Claudio Gontijo e a empresa Mendes Júnior. O senador é acusado pelo Ministério Público Federal de receber propinas da empresa em troca de emendas parlamentares. Gontijo teria efetuado pagamentos a Mônica Veloso. Após o recebimento da ação, o senador entrou com TRF-1 – Agravo de instrumento nº 0037691-58.2015.4.01.0000. 
  STF – Petição nº 5617/2015 – Acusado de improbidade administrativa por usar jatinho da FAB (Força Aérea Brasileira) para viagens particulares. O processo tem como origem a TRF-1 – Seção Judiciária do Distrito Federal – Ação civil pública nº 0042722-78.2014.4.01.3400, na qual Calheiros já era considerado réu. 
  TRF5 – Apelação cível nº 0000163-34.2012.4.05.8002 – Foi condenado a apresentar plano de compensação ambiental para a Estação Ecológica Murici para reparar dano ambiental que teria sido causado por ele, ao pavimentar com paralelepípedos uma estrada da Estação. 
Autoria de Leis REQ de urgência para votação da alteração da Lei anticorrupção
Mandato Atual Senador, AL, PDMB, 2011-2019
Mandatos Anteriores Deputado Estadual, AL, PMDB, 1979-1983 – Deputado Federal, AL, PMDB, 1983-1987 – Deputado Federal, AL, PMDB, 1987-1991 – Senador, AL, PMDB, 1995-2003 – Senador, AL, PMDB, 2003-2001

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Digite seu nome aqui